Pensando em fazer uma festa de casamento mais intimista? Então, aposte no conceito de mini-wedding. Se você é daquelas que foge do padrão, quer distância de uma mega produção, de festas com centenas de convidados – muitos pitacos dizendo que o Buffet poderia ser melhor – e coisas do tipo? Ótimo, você está no lugar certo.

Neste post, vamos dar umas dicas bem legais de como algo menor, com estilo e criatividade pode ser muito mais interessante do que aqueles casamentos tradicionais em que o casal se preocupa mais do que se diverte. Bora conferir?

Como organizar um mini-wedding?

Não é porque o evento é mais intimista que você não vai precisar se organizar. É preciso planejar cada detalhe para que tudo dê certo no dia e vocês possam curtir ao máximo com os convidados. Por isso, anote as dicas ai.

Aposte em um convite criativo

Não dá para definir um padrão de convite para um mini-wedding, mas como se trata de uma festa só para pessoas mais próximas do casal, você pode abusar um pouco da criatividade de acordo com o seu perfil e dos convidados. Não vai precisar manter aquela formalidade de sempre. Como são menos participantes também, você pode investir um pouco mais nos convites e bolar algo diferente do convencional.

Monte bem a lista de convidados

Para a lista de convidados é necessário levar em consideração o tamanho e a capacidade do local escolhido, assim como seu orçamento para o evento. O ideal é que os convites sejam bem limitados às pessoas realmente próximas e que entendam a lógica do mini-wedding. Uma festa para, no máximo, 60 pessoas é perfeita para esse conceito. 

Escolha um local menos convencional

“Igreja e salão de festas? Tô fora!” Se você pensou assim é porque já está na vibe do mini-wedding. A ideia não é só fazer algo intimista, mas também fugir do tradicional. Os convidados sempre vão esperar algo diferente e surpreendente. Existem diversas possibilidades de lugares fechados ou abertos. Poder ser um bar temático, uma galeria de arte ou o quintal de um hostel descolado. O legal é que seja um lugar em que as pessoas possam se sentir à vontade e que mantenha um clima mais informal.

Pense na decoração do lugar

Ao visitar os possíveis locais da festa, provavelmente, você já enxerga cada cantinho decorado e como ficará no dia do casamento. Onde vai ficar a banda ou DJ, como será a iluminação, a posição dos móveis, entre outros. Por isso, se for possível, procure um local que já tenha realizado um mini-wedding e busque por ideias para se inspirar.

Capriche no menu

O cardápio deve ser elaborado de acordo com os gostos dos noivos e dos participantes. Por ser um evento pequeno, você pode apostar em pratos montados na hora a pedido dos convidados, como crepes, tacos ou, até mesmo, massas. O mesmo pode funcionar no bar, com um menu de coquetéis e drinks diversos. São apenas exemplos. A ideia é que fuja do comum. Tudo deve ser elaborado de acordo com perfil de seu mini-wedding.

Estas são algumas dicas para seu evento intimista de casamento. O mais importante é que o lugar seja aconchegante com serviços diferentes, no qual você e seus convidados se sintam à vontade para curtir o momento.

Curtiu a ideia? Você tem alguma dica para um mini-wedding? Já foi em algum ou tem vontade de fazer? Deixe seu comentário aqui e compartilhe com a gente.

Autor

Escreva um comentário

Share This