Produção de eventos não é fácil e demanda tempo e trabalho. É preciso ter disciplina e seguir um cronograma minucioso para que nada dê errado no dia. Você pode contar com ajuda de aplicativos específicos ou, até mesmo, contratar uma assessoria especializada. Mas, se a grana estiver curta e o acontecimento for para poucos convidados, relaxa!

Neste post, vamos mostrar como organizar um evento cultural pequeno, de forma prática e sem muitas dores de cabeça. Quer saber mais e  começar a sondar os artistas? Continue a leitura e boa festa! 

Defina o tipo de evento e as atrações 

O primeiro passo para organizar um evento cultural é ter em mente qual tipo de produção você quer fazer. Será uma exposição, um encontro, uma feirinha, uma roda de debates ou uma apresentação musical? Com isso, fica bem mais fácil definir quais tipos de atrações poderão se apresentar, o que agradaria mais ao público, se terá música ao vivo ou eletrônica e qual estrutura terá que providenciar (caixas de som, mesas, telões, decoração etc.). 

Escolha o local ideal 

Se o evento é pequeno, busque por locais mais alternativos. Além de poder sair mais em conta, o ambiente pode ser bem mais “fora da caixa” e surpreender seus convidados. O WE Hostel, em São Paulo, é um exemplo bem interessante de lugar que realiza todo tipo de evento para um público menor. hostel é lindo, com uma decoração descolada, uma equipe bem descontraída e, ainda por cima, fica no coração da cidade.

Se é isso que você procura, para que perder tempo —  e dinheiro —  com centros culturais ou salões de festas? 

Fique de olho no orçamento 

Ao definir o modelo do evento, as atrações e o local perfeito,   para ter uma ideia de quanto vai precisar desembolsar na produção. Esses são os principais custos que pesam no orçamento, mas também são essenciais para o sucesso da organização. Afinal, você não vai querer economizar no artista ou no espaço, não é mesmo? Abuse da tecnologia e se baseie em alguns aplicativos como Trello ou Evernote para ajudar a controlar e anotar todos os custos e detalhes da produção. 

Decida os fornecedores 

Outro ponto fundamental de como organizar um evento cultural de sucesso, é ter o contato de fornecedores de confiança, que não te deixem na mão. Imagine, você planeja um pocket show e o som não chega na hora. Nem brinca! Por isso é legal conferir o histórico do fornecedor e buscar por referências.

Se você é marinheiro de primeira viagem, que nunca produziu nada, pode pedir uma ajuda aos donos do local escolhido. Mais uma vantagem de fazer o evento em um lugar com experiência de outras produções. 

Agora que você sabe como organizar um evento cultural de pequeno porte, é hora de pôr a mão na massa. Com o auxílio das ferramentas certas (apps, planilhas, assessoria etc.) e a escolha de um local perfeito (museu, galpão, casa antiga ou, como citamos, um hostel legal) tudo tende a ser um sucesso. 

Curtiu o post? Quer fazer seu evento em dos lugares mais bacanas de São Paulo? Chama a gente aqui, porque nós queremos te receber também!

Autor

Escreva um comentário

Share This